Conheça as principais diferenças entre as ações small caps, mid caps e blue chips e saiba como investir em ações com segurança

 

O mercado financeiro pode ser um local de inúmeras oportunidades para investidores e operadores de todo o mundo, mas também pode se tornar um ambiente arriscado para quem decidi explorá-lo sem ter o mínimo de conhecimento sobre ele. Por isso, é sempre importante conhecer um pouco mais do mercado antes de iniciar seus investimentos – seja nos Estados Unidos ou no Brasil.

No artigo de hoje você conhecerá um pouco mais sobre as ações Blue Chips, as Mid Caps e as Small Caps e entenderá as principais características e diferenças entre elas. Acompanhe o post e dê o primeiro passo para operar com segurança no mercado de ações, acumulando conhecimento e se preparando cada vez mais para obter resultados positivos por meio dos seus investimentos e operações!

 

 

O que é uma Blue Chip?

O termo Blue Chip (fichas azuis, em tradução livre – as mais valiosas de um cassino) é utilizado para referência às empresas cujas ações o mercado considera como seguras em comparação aos papéis de outras empresas, e geralmente são oriundas de companhias com sólida liderança no mercado e condição financeira estável.

Em geral, as ações de empresas Blue Chips possuem grande liquidez e pagam dividendos altos e crescentes; por isso, são bastante visadas por investidores de todo o mundo. Nos Estados Unidos, as Blue Chips da Dow Jones movimentam grandes volumes diariamente em Wall Street, ditando o ritmo do índice – e, muitas vezes, do mercado como um todo, ao longo das sessões.

Entre as principais Blue Chips listadas no Dow Jones, que atuam como referência para o desempenho do mercado de ações norte-americano dia após dia, estão: Apple, Goldman Sachs, Coca-Cola, Intel, Nike, Procter & Gamble, Visa, entre outras. Todas elas tiveram grande desempenho ao longo dos anos de 2016 e 2017, e contam com projeções positivas dos analistas para o ano de 2018.

 

O que são Mid Caps?

As ações Mid Caps são as ações medianas das bolsas de valores. Em geral, elas possuem menor capitalização no mercado e volume de negociação diário bem menor que as ações blue chips. Apesar disso, muitas mid caps estão entre as melhores opções para investimento, já que elas costumam ter, na teoria, maior potencial de crescimento que empresas maiores.

É importante, no entanto, que os investidores interessados em obter bons rendimentos com as mid caps tenham conhecimento um pouco mais abrangente do mercado. Isso permitirá ao investidor ter um maior embasamento na hora da tomada de decisão sobre quais ações escolher para compor a carteira de investimento, já que algumas destas ações podem ter problemas com baixa liquidez, por exemplo, que podem comprometer a rentabilidade.

 

O que são Small Caps?

As Small Caps são ações de empresas menores, que estão disponíveis na bolsa. Os papéis small caps têm capitalização de mercado bastante inferior em relação às mid caps e blue chips, e geram pouco volume de negociações diariamente.

Não é incomum que muitas small caps sejam ignoradas por investidores da bolsa – principalmente em mercados emergentes, como no Brasil. Em mercados mais abrangentes, como os Estados Unidos, no entanto, muitos investidores acabam prestando mais atenção nestas ações, já que podem se tornar excelentes opções de investimento no médio e longo prazo.

 

Como investir em ações com segurança?

Qualquer investimento em ações ou operações no mercado financeiro demanda conhecimentos, análises, estratégias, gerenciamento de risco e muita disciplina.

Por isso, é fundamental compreender o funcionamento do mercado de ações antes de realizar operações com maior segurança e conquistar sua tão desejada liberdade financeira.

Quer aprender a investir no mercado norte-americano? Então conheça os pacotes de cursos da Liberta Global e escolha aquele que melhor se adequa às suas necessidades!