Estudo mostra que dividend yields de companhias norte-americanas são melhores que os dividend yields das empresas brasileiras em 2016 e 2017

 

As ações de empresas negociadas no mercado dos Estados Unidos pagaram mais dividendos aos investidores que os papéis de companhias do mercado brasileiro em 2017.  Segundo um levantamento realizado pela Economatica – empresa provedora de informações financeiras, o resultado no período repete os bons desempenhos das ações dos EUA no ano passado quanto ao pagamento de dividendos.

No artigo de hoje você entenderá a importância deste resultado para o investidor e conferir as 20 melhores pagadoras de dividendos dos EUA em 2017.

 

Afinal, o que são dividendos?

Para quem ainda não sabe o que são dividendos, vale a pena uma breve explicação. Dividendos são remunerações – correspondentes  a uma parte dos lucros apurados em um período determinado – pagas aos acionistas de uma determinada empresa negociada na bolsa.

Cada empresa define a periodicidade destes pagamentos, que podem ser trimestrais, semestrais ou anuais. Muitas companhias, inclusive, optam por não distribuir dividendos e reinvestir parte do lucro no próprio negócio.

Os lucros podem ser pagos aos acionistas através de dividendos, por meio de bonificações ou através dos Juros sobre Capital Próprio (JCP).

 

O que é Dividend Yield?

Já o Dividend Yield (DY) é um indicador importantíssimo de performance das empresas em relação ao pagamento de dividendos aos seus investidores. Ele representa a rentabilidade dos dividendos pagos por ação em determinado período.

 

Dividendos nos EUA x Dividendos no Brasil

Entre os anos de 1995 e 2015, os dividend yields das ações brasileiras registraram melhor desempenho que a média dos dividend yield dos papéis do mercado norte-americano, segundo o levantamento da provedora de informações. Em 2016 e 2017, no entanto, esta situação se inverteu.

De acordo com a Economatica, os dividendos pagos pelas ações do mercado dos Estados Unidos superaram os valores pagos pelos papéis brasileiros em 2016 e em 2017 – ao menos até o mês de setembro, quando a pesquisa foi realizada. Uma boa notícia para quem investe no maior mercado do mundo – e uma prova irrefutável de que o mercado norte-americano vai de vento em popa.

 

Dividendos no mercado norte-americano

A empresa provedora de informações financeiras listou, na pesquisa, as 20 ações com melhor dividend yield no ano. As ações que fazem parte do ranking da Economatica estão listadas no índice norte-americano S&P 500.

O grande destaque do levantamento das pagadoras de dividendos do mercado dos Estados Unidos ficou por conta da Transdigm Group Inc (TDG) – produtora e fornecedora de componentes e sistemas aeroespaciais, que distribuiu 16,13% de dividend yields aos seus acionistas nos 12 meses anteriores à 31 de agosto de 2017.

 

Confira a lista das melhores pagadoras de dividendos do mercado dos EUA no período:

 

A economia e o mercado norte-americano têm mostrado força nos últimos meses – superando os mais diversos recordes, enquanto as empresas crescem de maneira sólida – crescimento este alinhado aos bons resultados quanto ao pagamento de dividendos aos acionistas.

Para aqueles investidores que buscam investir em ações com o objetivo de receber dividendos ao longo do tempo, este pode ser um excelente momento para aportes no mercado dos EUA – o maior e mais líquido mercado do mundo.