Expectativa é de manutenção das taxas de juros nos EUA; projeções para os juros norte-americanos ao longo dos próximos meses também deverão ser divulgadas pelo Fed

 

O Comitê Federal de Mercado Aberto (FOMC) do Federal Reserve (FED) divulga, nesta quarta-feira (20), a sua decisão sobre as taxas de juros do mercado dos Estados Unidos. A expectativa do mercado é de manutenção dos juros – no que confirmaria uma abordagem “mais paciente” do Fed quanto à política monetária norte-americana.

Além da decisão sobre os juros no mercado dos EUA, o Fed deverá divulgar novas projeções de crescimento econômico para o país, além de uma previsão quanto aos futuros aumentos dos juros para o restante do ano.

A ampla maioria do mercado acredita que o Banco Central norte-americano anuncie uma projeção de aumento único nos juros em 2019 – ou mesmo uma possível manutenção das taxas no patamar de 2,25% a 2,5% ao ano. No final do ano passado, as projeções apontavam para dois aumentos nos juros em 2019 pelo Federal Reserve.

 

Fim do aperto monetário

O mercado acredita firmemente na adoção de uma postura mais "paciente" do Fed quanto à política monetária dos EUA e no fim do ciclo de alta gradual dos juros, que durou três anos, até o final de 2018. Neste período, foram nove os aumentos nas taxas de juros norte-americanas.

Segundo o Monitor da Taxa de Juros do Federal Reserve, da Investing.com, 100% do mercado acredita na manutenção das taxas de juros nos EUA até o mês de maio deste ano. Para a última reunião do Fed no ano, em 11 de dezembro, o monitor aponta para 76,9% do mercado acreditando em manutenção dos juros na faixa dos 2,25% e 2,5% ao ano e 20,8% dos analistas sugerindo uma queda nos juros, para o patamar dos 2,00% e 2,25% ao ano.

Por enquanto, o Monitor da Taxa de Juros não indica quaisquer avanços para os juros dos EUA ao longo de 2019.

A decisão está prevista para ser divulgada na tarde desta quarta-feira (20), às 15h no horário de Brasília.