Papéis da gigante da tecnologia avançaram quase 2% nos EUA depois da divulgação de uma parceria entre a Apple e sua concorrente, Samsung, para o segmento de TVs

 

As ações da Apple subiram quase 2% no mercado norte-americano nesta terça-feira (8), um dia depois de a empresa anunciar um a parceria inédita com a Samsung – uma de suas maiores concorrentes do segmento de smartphones. O acordo firmado entre a companhia americana e a sul-coreana é voltada para o setor de televisores.

De acordo com o anúncio realizado durante a CES – maior feira de tecnologia do mundo – na noite da última segunda-feira (7), a parceria entre as gigantes do setor prevê a adição de um aplicativo da Apple nos televisores da Samsung, que permitirá ao usuário navegar e reproduzir filmes, programas, vídeos e áudios disponíveis no iTunes, da Apple. Atualmente, os conteúdos do iTunes só podem ser acessados a partir dos televisores por meio do uso do Apple TV.

No mesmo evento, a LG – outra grande fabricante mundial de televisores – informou ao público que seus aparelhos passarão a ser compatíveis com o Apple AirPlay, permitindo que conteúdos do iPhone sejam espelhados nas TVs a marca. As empresas, no entanto, não deram detalhes sobre as características comerciais dos acordos firmados.

 

Foco em distribuição

As novas parcerias anunciadas nesta semana entre Apple e Samsung e LG sugerem que a empresa fundada por Steve Jobs está focada em alavancar a distribuição de suas produções em outros canais. A novidade também abre portas para uma distribuição em massa de um eventual serviço de televisão da Apple para dispositivos – televisores e outros aparelhos – produzidos por outras empresas.

Recentemente, a Apple anunciou uma série de grandes acordos com empresas renomadas para criação de conteúdos originais de televisão. Entre os projetos da companhia está um programa com a apresentadora Oprah Winfrey. Os novos acordos devem facilitar o escoamento destas produções e trazer à Apple novas fontes de renda, em um mercado cada vez mais saturado e concorrido para o segmento de smartphones.

 

Ações em alta

Na primeira sessão após a divulgação da parceria com a Samsung, as ações da Apple avançaram nos Estados Unidos, com investidores otimistas com a novidade. No final do dia, os papéis da companhia encerraram em alta de 1,91%, sendo negociadas a US$ 150,75.

Vale lembrar que, na semana passada, a Apple perdeu mais de US$ 70 bilhões em valor e mercado, depois que o CEO da companhia, Tim Cook, anunciou um corte nas projeções de receitas para o quarto trimestre de 2018, com a queda nas vendas de iPhones na China.