Nova violação de segurança ocorreu na plataforma israelense Bancor; valor de mercado das criptomoedas cai mais de US$ 20 bilhões em poucas horas

 

Após o boom das moedas digitais em 2017, o momento atual parece ser desfavorável para as criptomoedas ao redor do mundo. Nesta terça-feira (10), o bitcoin alcançava sua mínima em quatro dias, reagindo à notícia de uma nova violação de segurança de uma plataforma de moedas digitais – desta vez em real.

De acordo com a startup israelense Bancor, uma invasão em sua plataforma na última segunda-feira (9) levou a empresa à perda de mais de US$ 13,5 milhões em moedas digitais. Segundo a startup, cerca de US$ 12,5 milhões foram roubados em criptomoeda Ethereum, enquanto os outros US$ 1 milhão roubados estavam alocados em uma moeda digital menos conhecida do público geral, chamada Pundi X.

Esta foi a mais recente violação a plataformas de criptomoedas, das muitas que já ocorreram em 2018 ao redor do planeta – e um dos principais riscos relacionados às transações digitais de moedas. Apesar do ataque, a Bancor afirmou, via Twitter, que nenhuma carteira de usuários foi comprometida no ataque hacker desta semana.

 

Moedas digitais em queda

Nesta terça-feira (10), o bitcoin atingiu o menor patamar desde a semana passada, sendo negociado abaixo dos US$ 6.400 na corretora Bitfinex e recuando mais de 5,5% no dia. Nos últimos meses, a criptomoeda mais famosa do globo já perdeu 70% do seu valor desde o seu maior patamar (próximo a US$ 20 mil), alcançado em dezembro de 2017.

Em meio à notícia de novas violações de segurança relacionadas às moedas digitais, outras criptomoedas apresentavam queda nesta terça-feira (10). O Ethereum – uma das mais famosas moedas digitais – recuava 12,2% na Bitfinex, sendo negociado próximo aos US$ 430,00.

Já o Ripple – considerada a terceira maior criptomoeda atualmente – recuava mais de 7%, sendo negociada a US$ 0,44, seguida pelo Litecoin, que caía 9,5%, valendo US$ 75,29 nesta terça-feira.

Segundo a Reuters, a queda generalizada das criptomoedas neste início de semana fez o valor total de capitalização de mercado cair mais de US$ 20 bilhões em algumas horas. Na manhã de terça-feira (10), o valor de mercado das moedas digitais era de US$ 253 bilhões – bem abaixo dos US$ 273 bilhões registrados no dia anterior.