Avanço na Nasdaq ocorre após a empresa de pagamentos confirmar a compra da Hyperwallet por US$ 400 bilhões

 

A empresa de pagamentos PayPal atingiu sua máxima histórica na bolsa norte-americana Nasdaq na última quarta-feira (21), após a empresa anunciar a compra da processadora de pagamentos Hyperwallet. Durante o pregão no mercado dos Estados Unidos, as ações do Paypal chegaram a valer US$ 87,55 – patamar inédito para a companhia, e encerraram o dia em US$ 85,95.

O anúncio da aquisição da Hyperwallet – utilizada por grandes empresas ao redor do mundo, como a companhia de viagens Expedia e a plataforma de locação de imóveis Home Away – pelo Paypal foi feito na terça-feira. O negócio, que envolve o montante de US$ 400 milhões em dinheiro, deverá auxiliar no fortalecimento dos serviços de pagamento disponibilizados pelo Paypal ao redor do mundo.

"Com a aquisição da Hyperwallet, fortaleceremos nossa capacidade de fornecer uma solução integrada de ponta a ponta para ajudar as plataformas e os mercados de comércio eletrônico a alavancar recursos de pagamento de classe mundial em mais de 200 mercados”, afirmou Bill Ready, diretor de operações da PayPal.

Em comunicado, as empresas informaram que a transação – que ainda depende da aprovação dos órgãos regulatórios norte-americanos – deve ser concluída no quarto trimestre de 2018.

 

Ações em alta na Nasdaq

Na primeira sessão em Wall Street após a divulgação da compra da Hyperwallet, as ações do Paypal subiram para a máxima histórica de US$ 87,55 e encerraram o dia negociadas a US$ 85,95 no mercado norte-americano.

Nos últimos 12 meses, de acordo com os dados do site Investing, os papéis do Paypal já subiram mais de 63,6%. Com o avanço das ações na quarta-feira, o valor de mercado do Paypal é estimado em US$ 100,3 bilhões – montante superior ao da gigante American Express, que possui capitalização estimada em US$ 83,5 bilhões.