Novas unidades da loja Amazon Go devem ser abertas em breve nas cidades americanas de Chicago e São Francisco

 

A Amazon.com informou, no início desta semana, que deve abrir em breve lojas sem caixas nas cidades de Chicago e São Francisco, nos Estados Unidos. A abertura de novas lojas é resultado da expansão do novo conceito de negócio da varejista online, testado em Seattle, desde o início do ano.

Conhecida mundialmente como Amazon Go, a loja da gigante do varejo é composta por diversas mercearias, que comercializam diferentes tipos de produtos. A principal diferença do estabelecimento, no entanto, é a ausência de caixas.

 

 

Para entrar e comprar na Amazon Go os clientes precisam ter um aplicativo instalado no smartphone. Dentro da loja, câmaras e sensores rastreiam tudo o que é retirado ou devolvido das prateleiras pelos clientes, que recebem a fatura da compra no cartão de crédito cadastrado no aplicativo após saírem da loja.

 

Expansão nos EUA

Caso novo conceito de negócio da Amazon se consolide, ele poderá ser responsável por alterar o conceito de lojas físicas dos mais diversos segmentos nos próximos anos. Atualmente, além da Amazon, apenas algumas lojas de grandes redes – como o Wal-Mart – testam um modelo de vendas sem caixas ou vendedores.

Apesar de não informar quando as novas lojas serão inauguradas em Chicago e São Francisco, a Amazon já está procurando gerentes para as novas unidades da Amazon Go. De acordo com uma matéria publicada pelo jornal Seattle Times na última segunda-feira (14), as ofertas de emprego foram publicadas pela gigante do varejo ainda no mês passado.

As ações da Amazon eram negociadas em leve alta no after market do mercado norte-americano desta terça-feira (15), mas encerraram o dia em queda de 1,59%, a US$ 1.576.