O anúncio foi feito pelo presidente norte-americano por meio de sua conta no Twitter, na última quinta-feira (10)

 

O presidente norte-americano Donald Trump anunciou, por meio de sua conta no microblog Twitter na última quinta-feira (10), que o encontro histórico  entre ele e o líder norte-coreano Kim Jong-un será realizado no dia 12 de junho, em Singapura. Esta será a primeira vez desde a Guerra Fria que dois líderes em exercício dos EUA e Coreia do Norte se encontram.

"O tão aguardado encontro entre mim e Kim Jong-un será realizado em Singapura no dia 12 de junho. Nós dois vamos tentar fazer um momento muito especial para a paz mundial", afirmou Trump em seu tweet.

Todos os detalhes do encontro no próximo mês já estão sendo preparados. Nesta semana, o chefe da diplomacia norte-americana, Mike Pompeo, esteve na Coreia do Norte para tratar da reunião entre Trump e Kim – cujas pautas deverão girar em torno da questão do programa nuclear da Coreia do Norte.

 

Reatando laços

Uma possível aproximação da Coreia do Norte com os Estados Unidos já vinha sendo especulada pela imprensa mundial há alguns meses, e ganhou mais força depois do encontro entre o ditador Kim Jong-un e o presidente da Coreia do Sul, Moon Jae-in, no mês passado. O encontro histórico entre os estadistas ocorreu após meses de sanções e pressões à Coreia do Norte, lideradas pelos Estados Unidos.

Graças à política firme adotada pelo presidente norte-americano em relação à Coreia do Norte e suas provocações bélicas, o ditador norte-coreano se comprometeu a assinar um acordo de paz com a Coreia do Sul e trabalhar pela desnuclearização da península.

Novas informações sobre o encontro entre Trump e Kim Jong-un deverão ser divulgadas nos próximos dias pela Casa Branca.